Thursday, May 14, 2009

ELDORADO








































































1. Comprei uma camisa branca igual à Patrícia Highsmith porque sei que os dons passam através dos objectos de artista para artista. É absolutamente necessária uma mesa e poder de invocação. Tal acontece através do fluxo da História.
2. A História em fotocópia é invocativa – carrega potencial.
3. Terra em transe ontem e hoje.
4. As minhas respostas
- De que forma o Projecto Serralves mudou o panorama artístico e museológico no Porto e no País?
I. Enquanto modelo de formação de públicos, entre quais o artístico, teve resultados semelhantes à educação escolar autoritária na qual estão salvaguardados os papéis de aluno e educador em esferas próprias.
II. A recente mudança na apresentação do Museu (ver site institucional) aponta promessas simpáticas, mas tardias, de apoio à afirmação de jovens artistas, tendo até agora contribuído apenas para o eterno retorno do mesmo, ou seja, neste caso, para a debilidade da arte e da cultura portuguesa. De referir a excepção do projecto Antena que tem dado cor ao projecto museológico. Ficaria satisfeita se a relação entre exposições vivas e exposições cadavéricas fosse de 10 para 1.
III. A ausência de um projecto interessante que se reconheça, e a neutralidade ideológica, retiram-lhe gradualmente relevância e interesse num contexto cultural internacional; assim, sem qualquer particularidade e motivo de atenção, a visita a Serralves é um item no circuito turístico.

- O que, na sua opinião, permitiu o seu sucesso?
I. A medida de avaliação do sucesso de um Museu não se devia basear apenas na averiguação do número de visitantes. Penso que é a este sucesso que se refere. Na minha opinião seria bem diferente se Serralves estimulasse o desenvolvimento e a diversidade cultural na cidade onde se localiza através de estratégias bem programadas, conseguisse criar interesse internacional na arte portuguesa contribuindo para o reconhecimento de artistas portugueses no circuito artístico internacional, tivesse um programa de actividades, para além das exposições, significativamente mais arriscado e mais experimental.
II. Que se entenda que comento o Museu com frequência por disciplina e atitude artística, exigindo o melhor para o sítio onde vivo e trabalho.

Qual foi o contributo de Vicente Todolí à frente do Museu na consolidação do projecto?
Serralves é hoje igual a Serralves da “Era Todolí”?
Não comento nomes.

1 comment:

Madam Ming said...

A senhora da foto tem muito estilo. Quero umas pulseiras à homem como as dela. Vou passar a usar anel também.
Pulseira, anel e baton vermelho.